rede-rs-cidade-2024-plataforma-brasil-inovador-rio-grande-sul-ceo-sos-plano-reconstrucao-retomada-economica-doacoes-governo-gabriel-souza-ocergs-cooperativa
rede-rs-cidade-2024-plataforma-brasil-inovador-rio-grande-sul-ceo-sos-plano-reconstrucao-retomada-economica-doacoes-governo-gabriel-souza-fenadoce-pelotas-feira
agro-inovador-2024-rede-brasil-inovacao-esg-ia-ecossistema-startups-hub-aldo-rosa-ceo-palestrante-cna-senar-agronegocio-fenasoja-santa-rosa-9
agro-inovador-2024-rede-brasil-inovacao-esg-ia-ecossistema-startups-hub-aldo-rosa-ceo-palestrante-plataforma-cna-senar-agronegocio-expointer-confirmada-governo-rs-2

Canoas: Centro de Entrega de Doações já atendeu mais de 38 mil pessoas desabrigadas

Canoas: Centro de Entrega de Doações já atendeu mais de 38 mil pessoas desabrigadas

Centro de Entrega de Doações já atendeu mais de 38 mil pessoas desabrigadas

O Centro de Entrega de Doações está atendendo à população desabrigada e aqueles que abriram suas portas para receber outros canoenses. A Central fica na esquina da Avenida Getúlio Vargas com a Inconfidência, onde ficava o antigo Asun (ao lado da Farmácia São João). O espaço funciona das 8h às 22h. Até o momento já foram mais de 38 mil pessoas beneficiadas com alimentos, roupas e itens de higiene. Para a retirada não precisa fazer cadastro prévio. A quantidade de itens entregues se dá conforme a necessidade das famílias.

O prefeito Jairo Jorge destaca a relevância de ações como essa.” A Prefeitura de Canoas tem que fazer a sua parte, a sociedade está fazendo a sua parte, também. Todos têm que fazer a sua parte, de forma conjunta. A união de esforços é fundamental. Todos aqui são parceiros da solução. O somatório de esforços — da população, dos governos estadual e federal e da Prefeitura de Canoas é isso que vai fazer a reconstrução da cidade. É importante ter a noção de que a cidade foi destruída, é algo extraordinário e dramático”, afirmou.

Mais de 5 mil cestas básicas foram distribuídas, além roupas e itens de higiene e limpeza. Em em meio à tanta dificuldade, se encontra muita solidariedade. Foi o que aconteceu com a voluntária Sheila Maitê Bragança da Rocha. Ela foi beneficiada, na quarta e na quinta-feira com cesta básica. No terceiro dia resolveu se somar aos voluntários no Centro de Entrega de Doações de Canoas. “Eu vim porque a situação me comoveu, muitas famílias perderam tudo. Eu já trabalhei como voluntária em outros momentos. Eu vim porque é isso que temos que fazer: ajudar o próximo. Eu não estou em uma situação muito boa, mas se cada um vir e doar um pouco do seu tempo, vai ficar bom para todo mundo”, ressalta.

Cláudio Molinari, morador do bairro Niterói e voluntário, se emociona com o trabalho que vem fazendo no local. “Eu infartei há 2 anos e Deus me deu a oportunidade de estar vivo e escapar dessa enchente. Eu não tenho palavras para descrever as pessoas chorando ao pegar um lençol, um cobertor, ao pegar uma camisa, uma bermuda. As pessoas têm agradecem inúmeras vezes. O que o nosso prefeito e o pessoal da Prefeitura estão fazendo é uma ajuda enorme”, afirma.

Já o morador do bairro Mathias Velho, Patrick Barreto descreve a importância em receber as doações. “É um momento que estamos perdidos ainda. Receber essa ajuda é muito importante, um amparo de grande valia. Nada vai trazer de volta aquilo que a gente perdeu lá embaixo d’água, mas estamos recebendo este auxílio. E tudo conta, até uma palavra amiga é bem-vinda porque o momento nos deixa sem saber o que fazer”, desabafa.